Rüdesheim, uma das pérolas do Vale do Rio Reno, na Alemanha

Certamente, um dos passeios bate volta mais agradáveis para quem está em Frankfurt é ir visitar a belíssima cidadezinha de Rüdesheim. Esta cidade muito fofa e típica fica às margens do Rio Reno, entre belíssimos vinhedos. Então, não sem motivo, ela foi declarada Patrimônio da Humanidade da Unesco.

+ OS CASTELOS E CIDADES DO VALE DO RENO NA ALEMANHA

+ MONUMENTO NIEDERWALD, ENTRE VINHEDOS E LINDAS VISTAS DE RÜDESHEIM E DO RENO

Rüdesheim do alto
Rüdesheim vista do alto no monumento Niederwald Denkmal

Imperdível!  >>>>  Passeio de 1 dia pelo Rio Reno de barco!

Na verdade, Rüdesheim se chama Rüdesheim am Rhein, que significa Rudesheim no Reno. Assim sendo, como seu nome mesmo indica, ela é banhada pelo famoso rio que corta a Alemanha.

Sendo uma das mais lindas cidades nas margens do Rio Reno, ela se transforma numa das grandes atrações para quem faz a inesquecível viagem pelo Vale do Rio Reno. Sem dúvida, esta é uma daquelas viagens fundamentais para conhecer as belezas da Alemanha. Sendo possível fazer ela de carro ou trem pelas margens do rio. Ou mesmo de barco, através dele!

Hotel em Rüdesheim

Sem dúvidas, Rüdesheim é muito charmosa e fica bem em frente ao Rio Reno. Então, tem coisa mais deliciosa do que poder aproveitar a cidade depois que a grande maioria dos turistas foi embora e Rüdesheim está tranquila ainda mais bela? Deste modo, quem deseja ver a cidade assim, sugiro dormir na cidade e procurar um hotel em Rüdesheim e pelo menos, passar uma noite ali.

Aliás, uma ótima escolha é o Breuer’s Rüdesheimer Schloss, um 4 estrelas muito bem localizado e cheio de boas recomendações. Certamente, quem deseja ficar hospedado no meio de vinhedos, sem dúvidas a melhor escolha é o Weingut Magdalenenhof.  Assim como quem deseja acordar e ver o Rio Reno, a escolha deve ser o Hotel Krone Rüdesheim.

Entretanto, outras excelentes opções na cidade são o Hotel zur Rose e o Hotel Zum Bären.

História de Rüdesheim

Tem-se registros de habitações na região já no ano 2500 a.C., e conta-se que os celtas foram os primeiros a viver por aqui. Posteriormente eles foram seguidos pelos romanos no século I, que ficaram em torno de 400 anos pela área. Depois deles foi a vez dos francos e ainda muitos outros.

Já o turismo viu seu boom na região no final do século XVIII, com a inauguração do monumento Niederwald. Este famoso monumento fica na montanha ao lado da cidade. Inclusive, é ligado a ela por trilhas no meio dos vinhedos e um teleférico panorâmico.

+ MONUMENTO NIEDERWALD, ENTRE VINHEDOS E LINDAS VISTAS DE RÜDESHEIM E DO RENO

Desde seu princípio, a cidade sempre teve forte conexão ao cultivo de uvas e a fabricação de vinhos. Então, basta olhar para o lado para ver os montes que a rodeiam cheios de vinhedos. Afinal, ela fica no meio da famosa região vinícola alemã conhecida como Rheingau.

Rüdesheim mapa

Apesar de ter sido destruída na 2ª Guerra Mundial, Rüdesheim foi reconstruída com muito charme, e se refez. Desde então, sua popularidade é grande entre alemães e estrangeiros. Aliás, as pesquisas mostram que 50% dos visitantes são de outros países. E lotam suas pequenas vielas, seja no verão ou no inverno.


Procurando hotel em Frankfurt? Temos vários posts com excelentes indicações!

Se você gostou do post e ele vai ser útil na sua viagem, reserve seu hotel na Alemanha ou Frankfurt por aqui. Além de você garantir o menor preço, você ainda ajuda o blog! E o mais importante: você não paga nada mais por isto! Fora que ainda tem, na maioria dos hotéis e apartamentos, a opção de cancelamento gratuito.


As atrações de Rüdesheim

Na realidade, a visita à cidade é bem rápida, já que seu centro turístico conta com somente algumas charmosíssimas ruas a partir do Rio Reno. Então, em poucas horas você pode se desbravar todos seus pontos turísticos. Entretanto, quem deseja fazer uma viagem tranquila, pode ter uma excelente base na cidade. Inclusive, eu indico muito. Já que Rudesheim oferece ótimas opções de hospedagem e de restaurantes.

Mas o principal aqui é visitar suas várias construções históricas e museus. Além da possibilidade de fazer agradáveis passeios pela beira do Rio Reno, seja de à pé, de barco, de carro. Ou até mesmo de bicicleta!

Vista do Rio Reno

>>> Saindo de Rüdesheim: passeio de barco pelos Castelos do Vale do Reno, 1,5h

Roteiro para conhecer Rüdesheim

Literalmente, Rüdesheim fica às margens do Rio Reno, então todos passeios começam por ali. Na rua que dá de frente para o rio estão diversos restaurantes, hotéis e lojinhas. Inclusive, é também na calçada desta rua que acontece todos os anos a graciosa feira de Natal da cidade, a Rüdesheimer Weihnachtsmarkt.

Rüdesheim-Drosselgasse natal
Drosselgasse

Quem vem da estação de trens de Rudesheim, ou do lado esquerdo da cidade, passa por duas construções que se destacam. Primeiramente você vai ver o Brömserburg. Esta construção foi propriedade dos arcebispos de Mainz do século X ao XIX. Ainda, ali está o Boosenburg, que foi construído no século IX e que fica ao lado.

Brömserburg (Niederburg)

Este castelo imponente e todo em pedra é o mais antigo do Reno. Antigamente ele ficava localizado diretamente nas margens do rio. Atualmente, está do outro lado da B42, a estrada que margeia o Reno.

O lugar foi, entre o século X até o início do século XIX, posse dos arcebispos de Mainz. Nessa época, eles transformaram a antiga fortificação no século XII em um castelo residencial. Por isso, as grossas paredes de mais de dois metros de altura e tetos abobadados explicam cada ataque resistindo pela fortaleza. Sendo que somente a parte sudeste foi destruída num ataque do Duque de Longueville em 1640.

O castelo foi habitado até 1937 e depois adquirido, em 1941, pela cidade de Rüdesheim. Hoje ele contém as extensas coleções do Museu do Vinho do Vale do Reno (Rheingauer Weinmuseum).

Rheingauer Weinmuseum Brömserburg – Museu do Vinho do Vale do Reno

O museu do vinho apresenta uma das coleções relacionadas ao vinho mais antigas no mundo. Com cerca de 2000 artigos, conta a história do vinho na Alemanha, desde a Antiguidade até os dias atuais. Ainda, o museu explica sua preparação, como funciona com as rolhas, os rótulos e sua degustação. Certamente, uma ótima visita para os apreciadores!

Horário:

O museu abre somente entre março e outubro, diariamente das 10-18h.

Endereço:

Fica no Castelo Brömsenburg, Rheinstraße, 2. Bem na rua de frente para o Rio Reno em Rudesheim.

Rüdesheim-teleférico

Boosenburg (Oberburg)

Sem dúvida, esta fortaleza românica chama muita atenção com sua torre de 38 metros de altura. Além disso, os seus jardins impecáveis e cheios de vinhas são muito fotogênicos. Então, é impossível não passar na frente e não bater uma foto ao menos!

Datada do século IX, o lugar serviu durante muitos anos como residência. Em 1830 foi comprada pelo Conde Schönborn que a reconstruiu. Desde 1939 é a sede da vinícola Carl Jung, e assim continua a ser uma residência privada. Infelizmente, ela não é aberta ao público. Fica na Oberer Burgweg.

Drosselgasse

Drosselgasse

Na verdade, essa ruela é um beco estreito e muito charmoso. Ela tem 144 metros de comprimento e ao logo dela estão várias lojinhas e restaurantes. Com uma arquitetura típica enxaimel e ela tem vários trechos onde parreirais de uva servem de cobertura, aumentando ainda mais sua beleza. Então, não deixe de a atravessar com calma e observar todos os detalhes. Assim como, não deixe de olhar para cima, pois a beleza está em diversas portas, janelas, placas de ferro forjado…

Para se ter uma ideia o quanto a cidade atrai turistas, basta dizer que cerca de 3 milhões de pessoas passam por esta via de paralelepípedos por ano! Uau, não é mesmo?!

No meio da Drosselgasse (quem vem do rio, à esquerda) fica uma torre com vários sinos, procure por ela, afinal, é uma das grandes atrações da cidade. Ela é conhecida como Glockenspiel e seus sinos tocam música diversas vezes ao dia.

Glockenspiel

De meia em meia hora, entre 09h30-22h, todos os dias, estes dois belos carrilhões de sinos tocam músicas. Além da deliciosa melodia que emitem, os sinos são feitos de porcelana Meissen. Sem dúvida, eles fazem turistas e moradores entortar o pescoço para ver as figuras de madeira que representam os quatro grandes anos das safras vinícolas no século XX da região. Naturalmente, esta é uma das atrações mais populares da cidade de Rudesheim.

Drosselgasse
Drosselgasse

>>> De Frankfurt: passeio pelo Vale do Rio Reno

Uma leve subidinha na Drosselgasse leva para a parte alta da cidade, que fica ao longo da rua Oberstraße.

Oberstraße

Nesta rua a gente pode ver mais casas de arquitetura charmosa, mais restaurantes e mais lojas. Aqui encontram-se uma série de belas antigas casas de várias épocas como: Frankensteiner Hof, a Ritter‘sche Hof e a Bassenheimer Hof. Fora essas, ainda está ali a mais belas de todas as residências aristocráticas de Rüdesheim. Sem dúvida, a Brömserhof é um deleite aos olhos. Ela fica à esquerda de quem sobe pela Drosselgasse, entrando na Oberstrasse.

Rüdesheim Oberstrasse

Seguro viagem é OBRIGATÓRIO para entrar na Europa, faça sua cotação e viaje tranquilo! A cobertura precisa ser de no mínimo 30.000 euros.


Brömserhof

Certamente, como já falei, este é um dos prédios mais bonitos da cidade. Ele foi construído a partir de 1292 e é a antiga residência da família Brömser. Ainda a impressionante construção abriga uma capela gótica e um salão com magníficos afrescos. Atualmente, a casa Brömserhof abriga o Museu de Instrumentos Musicais Mecânicos.

Siegfried’s Mechanisches Musikkabinett Museum

O Museu de Instrumentos Musicais Mecânicos conta com uma coleção de cerca de 350 instrumentos musicais coletados ao longo de três séculos. Fica numa área de 400 m² de exposições. A variada coleção é composta desde caixinhas de música pequenas até juke box de toneladas. Passando, claro, pelos mais diversos instrumentos.

Horário:

Diariamente aberto entre março e dezembro, das 10-18h.

Endereço:

Oberstraße, 29.

cidades pequenas e charmosas na Alemanha Rüdesheim

Seguindo para o outro lado da Oberstraße, você chega na filial da famosa loja de artigos de natal Käthe Wohlfahrt. Apesar de a filial aqui na cidade de Rudesheim não ser grande como a matriz em Rothenburg ob der Tauber, ainda assim ela tem coisas lindas e merece uma visita.

Bem ao lado da loja Käthe Wohlfahrt, numa pracinha, está o guichê de vendas de bilhetes para o teleférico (Seilbahn Station).

Teleférico para o Monumento Niederwalddenkmal

Certamente, este é um passeio que você não deve deixar de fazer na cidade! Principalmente em um dia bonito. O teleférico faz um passeio lindo sobre os vinhedos e vai até o monumento Niederwalddenkmal, no alto da montanha aos fundos da cidade. O monumento Niederwalddenkmal tem 38 metros de altura e fica no topo da montanha. Um passeio imperdível, tanto pela vista que se tem da ida com o teleférico, quanto do monumento. Pois lá do alto você pode se ver toda região e ter uma visão inesquecível do Rio Reno.

Entretanto, você pode chegar até o monumento por outros meios. Então, uma das opções é seguir caminhando pelo meio dos vinhedos, seguindo por belas trilhas morro acima. Já a outra opção é ir até lá de carro. Mais detalhes, você contra no post abaixo:

+ MONUMENTO NIEDERWALD, ENTRE VINHEDOS E LINDAS VISTAS DE RÜDESHEIM E DO RENO

Rüdesheim mapa1

Use nosso cupom: VIAJOTECA e garanta pelo menos 15% de desconto na compra do seu chip de celular com “O Meu Chip“! Super dica!

*(O valor do desconto aparece somente depois do pedido, antes de efetuar o pagamento).

Chip de celular - cupom de desconto 15%


Seguindo adiante nesta rua, Oberstrasse, um pouco mais a frente está o Mittelalterliches Foltermuseum.

Mittelalterliches Foltermuseum

Este é o museu de torturas medievais. O local possui 1000 m² de exposição e conta a história do tempo da perseguição às bruxas na Alemanha. Ele fornece também uma rica coleção das mais impressionantes peças de torturas.

Horário:

Diariamente aberto entre abril e outubro, das 10-18h.

Já de novembro a março, somente aos sábados e domingos, entre 13-17h.

Endereço:

Oberstrasse, 49–51.

Bem em frente ao museu Mittelalterliches Foltermuseum começa a rua Marktstrasse, desçam por ela que leva a Marktplatz.

Klunkhardshof

O Klunkhardshof é um belo prédio enxaimel de dois andares construído a partir da primeira metade do século XVI. Fica na curva da Marktstrasse. A parede traseira do lugar era parte da mais antiga muralha da cidade, conhecida como Ortsbefestigung. Anteriormente o lugar pertencia a prestigiada família Klunkhard. Atualmente, este é um dos mais magníficos edifícios da antiga Rüdesheim.

Rüdesheim-Drosselgasse restaurante

Descubra a liberdade de explorar cada cantinho do seu destino com um carro! Alugue um carro e viva uma viagem inesquecível! Com a flexibilidade de horários e itinerários, você pode vivenciar experiências autênticas e desbravar lugares incríveis que ficariam fora do alcance com outros transportes.


De toda a cidade a gente vê a torre da bela igreja St. Jakobus Kirche, que fica na praça Marktplatz.

St. Jakobus Kirche

A Igreja Católica que fica na praça do mercado data do século XIV. Ela foi construída pelo cavaleiro Johann Brömser e destruída completamente em 1944 durante um bombardeio na 2ª Guerra Mundial. Mas o lugar foi reconstruído anos depois, com um interior simples, o que contrasta com sua beleza externa.

A torre é coroada por um cata-vento com uma lua crescente e a estrela em memória das Cruzadas, nas quais Brömser participou. Interessantes são as efígies medievais de pedras dos túmulos da nobreza de Rüdesheim e o portal gótico.

cidades pequenas e charmosas na Alemanha Rüdesheim

Seguindo em direção ao Reno, chega-se novamente beira-rio, onde se vê na esquerda a Adlerturm.

Adlerturm

A Torre do Gavião fica na beira do Rio Reno, bem próxima ao porto da cidade de Rudesheim, onde param os barcos de turismo. Ela tem 20,5 metros de altura e é uma torre gótica tardia. No início, ela fazia parte da antiga fortificação da cidade e foi construída no século XV. Inclusive, esta torre ficava diretamente no Rio Reno em outras épocas.

O calabouço localizado no porão só era acessível através de uma abertura na parte superior. No século passado, funcionava na torre a Gasthaus (hotel) “Zum Adler”, que deu o nome pelo qual ela é conhecida hoje. Até mesmo Johann Wolfgang von Goethe ficava neste lugar quando ia para Rüdesheim.

Adlerturm
Adlerturm

Saindo um pouco desta área turística ainda encontramos outro museu interessante na cidade Rudesheim, o Museu dos Brinquedos e Trens em Miniatura.

Spielzeug- und Eisenbahnmuseum

No Museu dos Brinquedos e Trens em Miniatura estão expostos brinquedos fabricados nos últimos 100 anos. Podem ser vistos bonecas, lojinhas de brinquedo, cozinhas, carrinhos, trens (dos últimos 100 anos),…

Sem dúvida, uma das atrações é a maquete em miniatura do trecho do Rio Reno entre Rüdesheim e Koblenz. Nela, pode-se ver pequenos trens passando, e que mostram o grande sistema ferroviário entre os anos 30 e 50. A maquete tem cerca de 17 x 3 metros.

Horário:

O museu abre diariamente das 08-18h. Sendo que aos sábados e domingos abre das 11-18h.

Entre janeiro e março, o museu fecha nos finais de semana.

Endereço:

Peterstrasse, 20.

Ruedesheim

Vinhedos e Vinícolas

Muitas vinícolas oferecem degustações e vendas diretas em Rüdesheim e arredores. Ali pode-se provar deliciosos vinhos do Vale do Rio Reno, região conhecida como Rheingau. Principalmente, estes vinhos são feitos das uvas Riesling ou Spätburgunder. Inegavelmente, ele também podem ser achados em restaurantes, bares e lojas pela cidade.

Passeios de barco pelo Rio Reno

Muitos passeios de barco pelo Reno e a partir de Frankfurt passam pela cidade. Assim como muitos passeios pelo Rio Reno também começam por Rüdesheim. Entretanto, este é um passeio lindo de um dia inteiro, já que ao longo do Rio Reno estão inúmeras fortalezas e castelos, apesar de poder ser cansativo, é uma experiência inesquecível.

Contudo, outra opção é fazer um passeio de barco pelo Rio Reno, a partir de Rüdesheim só pelos arredores, de cerca de 1 hora e meia. O que já é uma ótima opção para quem tem pouco tempo. Fora que este passeio ainda pode ter a adição de degustação de vinhos, certamente uma ótima ideia para quem deseja conhecer um pouco mais sobre os vinhos da região.


Ainda temos outros posts sobre o Vale do Reno:


Respostas de 14

  1. Olá, gostei das informações aqui.
    Você poderia me dizer… 1) como chegar à Abadia de Santa Hildegarda?
    2) Pretendo ir a Rudesheim de trem a partir de Luxemburgo, é possível ou a cidade com melhor acesso é apenas por Frankfurt?
    Agradeço!

    1. Olá, Maria Fadina!
      Acredito que você encontre lagum ônibus que faça a linha entre Rüdesheim e a Abadia, mas eu não saberia dizer qual. Mas de táxi é bem fácil.
      Já o trem entre Rüdesheim e Luxemburg, você não encontra nenhuma linha direta. Sempre com troca em alguma outra cidade maior. 😉
      Boa viagem!

  2. Olá Carina!
    Gostaria de saber qual o melhor meio de transporte, saindo de Frankfurt para Rüdesheim. Estarei sozinho.
    Andei pesquisando sobre o metrô, mas não me parece tão claro qual linha pegar. Poderia me ajudar, por gentileza?

  3. Olá Carina. Você acha que vale a pena fazer um bate-volta de Frankfurt para Rudesheim num domingo no inverno (mais precisamente dia 05/01/2020)? Vi que além de praticamente nada funcionar aos domingos na Alemanha, pelo seu post muita coisa na cidade fecha no inverno. Acha que ainda assim vale a visita?

    1. Oi, Danilo!
      Olha, esta é uma época bem complicada na Alemanha, principalmente porque vai emendar feriadão de fim de ano. Mas como Rüdesheim é uma cidade bem turística, eu acredito que lá você possa encontrar alguma coisa aberta. O que já acho complicado em qualquer outra cidade da Alemanha. Então se eu tivesse de apostar minhas fichas, eu apostaria em Rüdesheim.
      Infelizmente não posso afirmar, pois dificilmente eu vou pra cidade nesta época, só mesmo na feira de Natal, que é lindinha e vale a visita, mas que vai até dia 23.12 este ano.
      Boa sorte e boa viagem!

  4. Carina, boa tarde!
    Em outubro visitaremos a Alemanha por 7 dias, nosso destino inicial será Frankfurt, e pensamos em ficarmos hospedamos lá e visitarmos as cidades ao redor. Você tem alguma dica de roteiro, ou alguém que faça isso por nós? Gostaríamos também de visitar uma vinícola…
    Obrigada
    Juliana

    1. Olá, Juliana!
      Eu costumava fazer roteiros de viagens para Alemanha, mas parei faz 3 anos. Uma boa indicação é a Jéssica, do blog Deguste seu Destino. Ela é guia em Munque e faz ótimos roteiros pela Alemanha. 😉
      Boa viagem pra vcs!

  5. Prezada Carina. Boa noite. estamos indo daqui a 15 dias pra passar um fim de semana na Alemanha e estamos na duvida de qual o melhor lugar para se hospedar e conhecer a região de Reinghau. Rudeshiem am Rein ou Wiesbidem? Ou, qual a melhor região para conhecer pela primeira vez e visitar as vinícolas. A Reinghau ou Pfalz. Desde já muito obrigado. abs,

    1. Olá, Ricardo!

      Para conhecer a região do Rheingau, o melhor é ficar em Rüdesheim. Ali vc está ao lado das vinícolas. Wiesbaden é uma cidade maior e com mais opções, mas se vc quiser ficar com charme e aproveitar mais a região, sem dúvida, opte por Rüdesheim, ou Eltville.
      Boa viagem!

  6. Quero parabenizá-la pelas suas informações sobre a cidade! Visitei Rudesheimer no início de 2018. Tirei várias fotos, mas não sabia das histórias de seus monumentos. Posteriormente, depois de procurar bastante sobre pontos turísticos da cidade, encontrei você. Muito obrigada!

  7. Sabe me dizer se tem como ir de barco de Wiesbaden para Rudesheim ? Me deram essa dica , mas não achei nada na internet falando a respeito.

    1. Oi, Monica! Direto de Wiesbaden eu creio não ser possível ir de barco, já que nenhum rio cruza a cidade. Mas tem varias cidadezinhas a beira do Reno perto dali.
      Um abraço e boa viagem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.